Mundo Mais

  • Latest News

    Tecnologia do Blogger.

    Translate

    quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

    Prive Contos Eróticos - Um principe encantado de moto

    Olá.....antes de tudo quero me apresentar a todos: sou branco, 176, meio gordinho rsrsrsrsrsrs 52 anos, casado mas curto pacas um sexo seguro com homens mais jovens que eu, não drogados e nem afeminados. O conto que passarei agora a todos, ocorreu mesmo esta ultima segunda – 13/07/09, aqui na cidade de Peruibe – SP....uma cidade praiana, linda por sinal em todos os aspectos.Pois bem, dei um jeito de sair de casa, eram umas 17 hs e falei que ia passear, dar uma caminhada como gosto de fazer sempre pela beira-mar. Me dirigi ao centro da cidade, uns 4,5 km de distancia de onde fico. Cheguei meio cansado na praia do centro e me sentei num banco a olhar o mar, estava frio e meio encoberto, ameaçando chover. Fiquei meio encorujado no banco devido ao frio, mas adorava ver os poucos mas gostosos caras que passeavam pela praia, alguns jogavam bola, outros mais loucos praticavam surf, mesmo assim eram poucos...a maioria passeava de bicicleta ou moto. Num desses vai e vem, invade o jardim onde eu estava, um cara de moto; estava todo protegido com as roupas próprias para motoqueiros contra o frio, inclusive de capacete. Ele acabou estacionando a moto quase perto de onde eu estava, creio a uns 10 ms. Ficou sentado na moto e como eu ficou olhando o mar, depois tirou o capacete e ai me dei conta da beleza do cara. Um rosto perfeito, nariz proporcional, boca idem orelhas também, enfim, parecia uma obra prima......fiquei imaginando se a cabeça dele era assim como deveria ser o restante do corpo dele. Mas enfim, eu 52 anos e ele uns 25 no Maximo, quem me dera ser uns anos mais jovem....teria tido a chance pelo menos de jogar um olhar perverso para ele....mas não era o caso. Assim desviei o olhar dele e voltei a olhar o mar. De repente, ouço alguém me perguntar se eu tinha horas e ao responder me dei conta que era ele. Nossa...minha respiração quase foi perdida e senti meu coração sair da goela. Claro que escondi esse espanto de tão natural que foi e ele deve ter percebido pois me deu um sorriso cinematográfico. Tinha olhos azuis como o céu com um contorno azul mais escuro...simplesmente estonteante. Depois de passar as horas para ele, ele abriu o casacão dele e tirou um maço de cigarros e me ofereceu mas eu recusei, perguntou se ele podia fumar e eu disse que sim, era ao aberto, não tinha nenhuma importância. Ele perguntou se podia sentar no mesmo banco para papear comigo e eu lógico, mais do que fulminante, me afastei para ceder lugar para ele. Tinha um perfume delicioso e começamos a conversar....descobri que ele era de São Paulo capital e que tinha descido para trabalho mas estava cansado para voltar, tinha alugado um quarto numa pousada perto de onde estávamos para pernoitar e viajar no dia seguinte. Era extremamente simpático e aos poucos foi quebrando o meu gelo de excitação, espanto e tesão que tinha por ele. Começamos a rir e em pouco tempo, nos sentíamos como velhos amigos. Falei de mim, de minha família, de meu trabalho e ele dele. Quando bati o olho no relógio eram umas 19 hs. Assustado com a hora e ao mesmo tempo decepcionado, falei que tinha que ir. Ele me pediu para ficar mais um pouco mas eu expliquei que eu estava longe, e estava a pé. Mas ele insistiu e me disse que me daria carona se quisesse. Acabei aceitando e nas risadas seguintes, ele bate com a palma da mão dele na minha perna e eu retribuo da mesma forma; nessa altura meu pau se pudesse já teria rasgado meu training e pulado para fora de duro que estava. Risada vai risada vem, continuamos nesses toques ate que ele me desmonta: você já teve algo com algum homem? Eu não sabia que dizer, fiquei gago, a pergunta dele tinha deixado a mão dele tremula no meu joelho. Quando eu ia responder ele começou a deslizar sua mão na minha coxa e no momento que eu disse, “sim” a mão dele já comprovava que meu pau estava hiperduro. Falou para mim: venha comigo. Montei na garupa da moto e fomos ate a pousada. Entramos no quarto dele e ele tirou o roupão....era uma estatua esculpida mesmo, moreno de pele. Barriga tipo tanquinho, cueca branca e já mostrava sua potencia. Pulou na cama e me chamou, não me fiz de rogado e me deitei a seu lado. Mamei seus mamilos e ele gemia de prazer, acariciando meus cabelos e forçando minha cabeça em seus peitos. Depois ele me puxou para cima e nos beijamos...tinha uma língua enorme e experiente....creio que ficamos assim por uns 5 minutos sem parar de nos beijar, enquanto nossas mãos conheciam o corpo oposto. Nessas caricias, arrancamos nossas cuecas sem parar de nos beijar. E desta forma ele se virou por cima de mim e pude sentir seu peso delicioso e seu cacete enorme, duro e quente amassando o meu. Com minhas pernas agarrei as pernas dele e o prendi contra de mim....ele se esfregava todo e eu delirava, começo a chupar meus mamilos....que delicia, que tesão...eu estava Orestes a gozar....ja sentia me gelar de tesão.....ele foi descendo com aquela superlingua e chupou meu umbigo....eu já estava me contorcendo como uma cobra......foi quando senti meu pau ser engolido....uma boca molhada, gostosa, quente, que fazia um trabalho e tanto com aquela língua deliciosa. Depois chupou cada uma de minhas bolas....e com uma forma de mestre na arte de seduzir, meteu aquela linguona no meu rabo....entrava e saia como um cacete experiente.....quando meu anel já estava mole de tesão, ele me perguntou se podia me possuir.....na hora consenti e senti aquela cabeçona, inxada de tesão a abrir caminho no meu cuzinho.....no inicio doeu mas depois foi relaxante pois ela era macia.....ja não podia dizer o mesmo do cacete dele, duro como uma pedra, de veias saltadas....sentia o saco dele bater no meu rabo e ele estava cada vez mais frenético, enlouquecido, as estocadas dele aumentavam, ele gemia como um louco, suava de tesão e me chamava de palavras de carinho. Meu pau já estava melando, pondo pré-porra para fora com aquela tora no meu rabo instigando minha próstata. Quando eu falei para ele que eu ia gozar, que eu não estava mais agüentando, ele se empertigou todo, gemeu alto como se tivesse sido castrado, enfiou o cacete dele ate o talo e senti ele me encher de porra meu rabo.....e estocava mais como se ele quisesse que a ultima gota saísse. Depois disso, ele se deixou cair sobre mim ainda ofegante, com a língua pra fora. Perguntou se eu queria gozar e eu disse que sim, mas que eu queria sentir o pau dele sair de dentro de mim amolecendo...nao queria que ele o tirasse. E assim foi...quando finalmente saiu, vi que mesmo mole era um gigante....sua cabeça foi logo coberta pelo prepucio mas ainda estava inxada...... Me perguntou como eu queria gozar e eu pedi para que ele me chupasse ate eu gozar....me perguntou se ele podia engolir tudo ou queria que tirasse a boca na hora de gozar...eu d epronto aceitei o convite dele mamar tudo...e assim foi, me chupava e eu me contorcia.....eu gemia de prazer, com uma mão eu segurava a cabeça dele pressionava contra meu pau e com a outra eu o punhetava...aquele pau mole, delicioso de segurar nas mãos...sentia que ele estava acordando novamente.....mas não agüentei.....como num esforço de abdominal, quase me sentei na hora que gozei....segurei forte a cabeça dele com meu pau dentro de sua boca e esguichava porra aos jatos dentro e sentia ele ia engolindo tudo......depois de satisfeitos, fomos no banho e nos lavamos....foi La que ele me possui novamente....so que desta vez eu pedi que na hora dele gozar, me avisasse pois eu queria tomar seu leite e assim foi......um pouco antes ele tirou seu pau de meu rabo e o enfiou todo boca minha adentro......pensei que eu ia engasgar de tanta porra.....mas engoli tudo,,,,ainda quente ela descia dentro de mim..... Depois disso tudo, conversamos um pouco ..... e ele acabou ficando ate hoje, quinta...e eu com ele todo dia.....minhas caminhadas se limitavam a ir ate a esquina de onde fico aqui na praia e La estava meu príncipe encantado de moto me esperando para não perder um minuto sequer. Trocamos telefones e continuaremos nossa alegria e tesão na capital....... Mundo Mais 

    • Blogger Comments
    • Facebook Comments

    0 comentários:

    Postar um comentário

    Item Reviewed: Prive Contos Eróticos - Um principe encantado de moto Rating: 5 Reviewed By: Renan dos Reis
    Scroll to Top