Mundo Mais

>
  • Latest News

    Tecnologia do Blogger.

    Translate

    domingo, 26 de março de 2017

    Prive Contos Eróticos - Três pedreiros encheram o meu cú de esperma

    Há algum tempo atrás eu estava de licença do meu serviço e fiquei alguns meses em casa. Nessa época, coincidiu que o meu pai havia contratado uns pedreiros para fazer uma reforma na casa e eu passava o dia em casa ouvindo eles trabalharem e mexendo na internet, em geral batendo punheta na frente da webcam. 
    O meu quarto tem duas portas, uma que eu uso para entrar e sair e outra que sempre fica fechada pelo outro lado, dando direto para uma peça ao lado do meu quarto. A disposição da mesa no meu quarto fica de tal forma que eu sempre fico de costas para essa porta que nunca é usada. Às vezes eu até esqueço que ela existe. Então, quando eu fico pelado na frente do computador, eu sempre fico de costas para essa porta.
    Acontece que os pedreiros estavam trabalhando na peça que fica atrás de mim e eu, acostumado a bater punheta na frente da webcam, simplesmente continuei meus hábitos, sem suspeitar que os pedreiros estavam me olhando por trás.
    Outra coisa também que eu costumo fazer na frente da webcam é enfiar um pênis de borracha bem grande no meu cú. Como eu percebi que são muitos mais homens do que mulheres que viam minha webcam, eu comprei esse penis de borracha para me exibir para o publico gay. 

    E numa bela tarde, só eu e os pedreiros em casa, como de costume eu abro o computador e começo minha seção de enfiar o consolo no cú, na frente da cam. Nem me passava pela cabeça que os pedreiros estavam me olhando pela fresta da porta que fica logo atrás e estavam vendo tudo. Eu notei que de repente o barulho que eles faziam no quarto atrás havia parado, mas eu nem liguei e continuei a enfiar o consolo no meu cú, me exibindo na webcam. De repente eu levei um susto, porque ouvi um barulho logo atrás de mim, de fechadura sendo aberta e quando eu olho para trás a porta está aberta com os três pedreiros me olhando e dois deles já com pau duro se masturbando e sorrindo pra mim. Eu fiquei apavorado e paralisado, nem sei o que me passou pela cabeça na hora: Eles vão falar para os meus pais? Vão contar para a cidade inteira o que eu estava fazendo?. Mas eles não disseram nada. Então o pedreiro que estava batendo punheta apontou o pau para mim e disse: chupa. Eu levantei e fui chegando perto dele, me ajoelhei e comecei a chupar aquele cacete. Nossa que delicia. Os outros dois tiraram a roupa, pegaram um pote de vaselina que estava no meu quarto e que eu usava para lubrificar o consolo e passaram no pau e no meu cuzinho e disseram: Agora você vai sentir o que é uma rola de verdade seu viadinho. E então ele enfiou aquele pau delicioso no meu cú. Eu nem senti dor porque meu cú já estava dilatado por causa do consolo, que era maior do que pau deles, mas confesso que sentir um naco de carne no cú, é a melhor coisa do mundo.
    O terceiro pedreiro eu comecei a bater punheta e a revezar a chupada no pau dele e do outro, enquanto o chefe deles fodia o meu cú sem dó.
    Nisso um dos que eu chupava o pau, se afastou e foi até a calça no chão e tirou o celular do bolso e começou a tirar fotos da cena. Na hora eu nem liguei, achei muito legal que ele quisesse registrar a cena.

    Naquela tarde os três comeram o meu cú e gozaram dentro. Na hora o tesão foi tanto que nem pedi que eles usassem camisinha, além do fato de que eu tenho um certo fetiche por esperma. Só fiquei triste naquele dia, porque nenhum deles gozou na minha boca e não pude sentir o gosto da porra de nenhum deles. Mas o meu cuzinho ficou cheio de esperma, bem do jeito que gosto. Nossa, aquela tarde foi demais. Saía até sangue do meu cú de tão esfolado que ele ficou. Eles ficaram me comendo por várias horas. Teve uma hora que começou a sair esperma do meu pau, sem nem ao menos eu ter tocado nele!!. Eu estava chupando um, e batendo punheta no outro enquanto o terceiro fodia o meu cú bem rápido e sem dó e de repente o esperma começou a sair do meu pau, que nem sequer estava duro, pois eu não me masturbei já que estava ora punhetando um e chupando o outro e abrindo a bunda para o terceiro. Foi muito linda aquela cena. Depois eu pesquisei na internet e descobri que é possível ejacular sem tocar o pênis, se a próstata for massageada através do reto. Foi isso o que aconteceu.


    Mundo Mais   
    • Blogger Comments
    • Facebook Comments

    0 comentários:

    Postar um comentário

    Item Reviewed: Prive Contos Eróticos - Três pedreiros encheram o meu cú de esperma Rating: 5 Reviewed By: Renan dos Reis
    Scroll to Top